leia mais...

POEZINE-SE II

Neste segundo volume, o Poezine-se tem a honra de trazer os textos da uberabense e poetisa Jamila Costa. 

domingo, 4 de novembro de 2012

ALIMENTE OS SEUS PENSAMENTOS

Arte em parte decretada.
Poesia nem sempre lapidada.
Caminha sem hora marcada.
Nostalgia na sua morada.

Passo que se desfaz aos poucos.
Dias que se renovam mortos.
O ontem que já se fez dia.
Hoje ainda caminha.

Neva em urano, 
Extinguiram Plutão.
Um novo velho discurso.
Uma velha nova multidão.

Cada escravo sob o seu dono.
O trono se alterou.
Novidades sobre a majestade:
- O seu navio afundou.