leia mais...

POEZINE-SE II

Neste segundo volume, o Poezine-se tem a honra de trazer os textos da uberabense e poetisa Jamila Costa. 

quinta-feira, 7 de fevereiro de 2013

ALIMENTE SEUS PENSAMENTOS


Choveu alto, como poucas vezes se fez.
Queimando meus olhos aos poucos.
Lágrimas de cegueira corrompendo-me em descasos.
Lástimas de uma espera.
Enquanto um rei se desfaz de seu trono.
A chuva percussiona momentos, a noite perco o sono em tormentos.

Lucas Vieira