leia mais...

POEZINE-SE II

Neste segundo volume, o Poezine-se tem a honra de trazer os textos da uberabense e poetisa Jamila Costa. 

quinta-feira, 11 de julho de 2013

O FUTURO COMEÇA AGORA: JANELA QUE BLOQUEIA O BARULHO DAS RUAS SEM IMPEDIR A PASSAGEM DO VENTO



A poluição sonora é um dos grandes problemas a serem enfrentados por quem vive no grandes e médios centros urbanos. Em determinados locais, chega a ser impossível manter as janelas ou portas abertas devido a altura do barulho e o incomodo causado por ele. Por sorte, eu não tenho muitos problemas com relação a isso, porém conheço diversas pessoas que sofrem com esse, que é um dos males da vida moderna.

Atualmente a maneira mais utilizada para diminuir os ruídos tem o custo alto, a implantação não é das mais simples e ainda dificulta a circulação das correntes de ar no ambiente.

Com o intuito de eliminar ou minimizar estes efeitos negativos da vida dos seres humanos, a dupla de pesquisadores coreanos, Sang-Hoon Kima e Seong-Hyun Lee, desenvolveu o projeto de uma janela inovadora que poderá bloquear a entrada de barulhos, sem prejudicar a ventilação. 

De maneira simplificada, o sistema é composto por duas placas transparentes de acrílico, posicionadas paralelamente à uma distancia de 40 mm entre elas, formando uma câmara de ressonância, que atua separando o ar do som e reduzindo a energia das ondas sonoras que passam por ela,  utilizando uma técnica de compressão acústica. Para aumentar a eficiência da janela, ela é perfurada com buracos de 50 milímetros, que permitem a entrada de mais som para ser obstruído sem interferir na passagem do vento.

Está utilidade ainda não pode ser encontrada para a venda, pois está em fase de testes, mas tudo indica que em muito breve, um dos maiores incômodos da sociedade moderna pode estar chegando ao fim.